Jboss/Wildfly ou Apache Tomcat: Qual devo escolher?

Jun 29 / Paulo Oliveira
Em algum momento um especialista em TI deve se perguntar: qual é o melhor entre Jboss/Wildfly e Apache Tomcat. Na prática, a resposta depende de diversos fatores.

Esses dois servidores web são open source e têm sido excelentes saídas para empresas que querem investir pouco e ainda assim ter uma excelente infraestrutura de TI.

Porém, cada opção conta com exclusividades próprias e, justamente por isso, há muitas dúvidas que permeiam a cabeça de quem busca saber qual dos dois se sai melhor num embate direto.

Hoje nós da Escola Linux mostramos qual servidor web é melhor, seja Jboss/Wildfly ou Apache Tomcat, e trazemos mais informações sobre essas duas importantes soluções de código aberto.

Jboss / Wildfly ou Apache Tomcat: qual o melhor?

Não há uma resposta unânime se Jboss/Wildfly ou Apache Tomcat é melhor, afinal cada servidor web conta com um cenário onde se destaca mais.

Ou seja, para saber qual dos dois servidores web se mostrariam melhor, você precisa levar em consideração os fatores internos da empresa e, mais precisamente, qual seria a aplicação do servidor escolhido.

Contudo, antes de mais nada, recapitule o básico e se certifique de conhecer especificamente cada um dos servidores web, seja Jboss/Wildfly ou Apache Tomcat.

O que é Jboss / Wildfly?

O Jboss/Wildfly é um servidor de aplicações baseado em Java muito utilizado no mundo inteiro, principalmente no Brasil.

Por ser um ser um servidor de aplicação, ele garante benefícios extras e se aproxima de outros servidores mais populares (e consideravelmente mais caros).

Em termos gerais, o Jboss/Wildfly garante mais segurança aos dados do seu negócio, escalabilidade dos processos e transação entre programações.

Portanto, ao contrário de outros servidores, o servidor realmente se aplica a partir dos processos internos, e não necessariamente os processos precisam ser adaptados a ele.

O que é o Apache Tomcat?

O Apache Tomcat é um servidor web baseado em Java lançado inicialmente em 1999. Porém, ao contrário do Jboss/Wildfly, este servidor pode ser considerado como um contêiner de aplicação.

Isto é, os processos podem ser executados, mas requerem uma maior precisão no código Java. Ainda assim, esse escopo também permite uma melhor integração com outros aplicativos e recursos.

Desta forma, você pode considerar o Apache Tomcat como um servidor web para projetos mais complexos, onde há integração com diferentes aplicativos e processos.

Qual escolher: Jboss / Wildfly ou Apache Tomcat?

A escolha entre Jboss/Wildfly ou Apache Tomcat depende bastante das tecnologias que você pretende utilizar no seu projeto.

Como explicado mais acima, o Jboss/Wildfly é um servidor de aplicação e está mais próximo dos servidores da Oracle e da IBM. Deste modo, ele garante serviços mais completos, destacando-se em termos de segurança e escalabilidade.

Sendo assim, o Jboss/Wildfly pode ser a melhor saída para projetos já bem estruturados em termos de TI, cabendo ao servidor web apenas a tarefa de gerenciar os processos implementados.

No caso do Apache Tomcat, este contêiner de aplicação se mostra mais completo em projetos que dependam da conectividade de processos. Justamente por isso, ele está entre os servidores web mais recomendados para escopos mais ambiciosos.

Ainda assim, vale destacar que as atualizações recentes do Apache Tomcat têm tornado este servidor ainda mais completo, tornando ainda mais difícil a escolha entre Jboss/Wildfly ou Apache Tomcat.

Por sorte, a Escola Linux possui cursos tanto de Jboss/Wildfly quanto de Tomcat para contribuir na sua jornada como administrador de sistemas!
Created with